Campanha da Fraternidade 2019

A campanha da Fraternidade de 2019 – “Fraternidade e Políticas públicas”, lança sobre todos nós um grande apelo de participação nos rumos de nossa sociedade. Como queremos nosso mundo? Quais são os valores que devem permear as nossas relações sociais? Dentro do espírito reflexivo da quaresma onde temos a oportunidade de rever nosso discipulado, buscando maior fidelidade a Jesus, nós também devemos pensar nosso comprometimento em tornar presente no mundo o seu Reino.

São inúmeros os grupos e pessoas que não podem por si mesmas defender os seus interesses, lutar por direitos e oportunidades. São os que chamamos vulneráveis de nossa sociedade. Para isso, obedecendo socialmente ao mandato de Jesus: “Sede misericordiosos como vosso Pai celeste é misericordioso” (Lc 6, 36-38) temos que pensar socialmente ações que possam favorece-los, protege-los, inclui-los plenamente em nossa vida social. É dentro deste horizonte de fé que podemos pensar, debater, propor, acompanhar e rever o que chamamos de políticas públicas.

A misericórdia, exigência do discipulado autentico, nos leva a pensar nestes irmãos e grupos de irmãos que precisam de uma atenção e cuidado particular. Se individualmente somos chamados a praticar as obras de misericórdia, também em quanto sociedade devemos sonhar com ações articuladas que favoreçam os que mais frágeis se encontram. Esta é uma razão mais que suficiente para que iniciemos uma participação mais efetiva no acompanhamento daqueles que são gestores temporários de nossos Municípios, Estados e País.


Pe. Joselito Ramalho Nogueira

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

X